loading3

Quiropraxia nas lombalgias

Lombalgia é a dor que acomete a porção inferior da coluna vertebral e as estruturas ao seu redor. Pode ser localizada ou irradiar para outras regiões como nádegas, coxa, joelho, perna e pé, caso haja compressão de algum nervo.

As dores lombares são motivos de queixa de grande parte da população, sendo suas maiores ocorrências por virtude de alterações mecânico-posturais. Na busca de tratamentos para esse tipo de dor, várias técnicas são utilizadas. Dentre elas, a quiropraxia vem sendo cada vez mais procurada, por ser uma terapia manual livre do uso de analgésicos, anti-inflamatórios e cirurgias.

As condutas tomadas no tratamento quiroprático das lesões lombares tem relação direta com o diagnóstico preciso da lesão, onde o terapeuta executa manobras rápidas e precisas, frequentemente acompanhadas de estalidos, os quais harmonizam a função da articulação, permitindo com que o corpo se beneficie do processo de auto-cura, reestabelecendo o equilíbrio neuromusculoesquelético.

Uma das principais vantagens do tratamento com a quiropraxia é a rapidez no alívio dos sintomas. Ainda que muitos resultados sejam obtidos a longo prazo, vários efeitos já podem ser sentidos logo após as primeiras sessões.

O tratamento da lombalgia constitui-se basicamente em duas fases, são elas: ALÍVIO DA DOR E RECUPERAÇÃO DO MOVIMENTO, onde o principal objetivo é reduzir os sintomas. Muitas vezes são necessárias de 1 a 3 sessões. . A segunda fase é a MANUTENÇÃO, onde uma vez que você está sem dor e os movimentos normalizados, as consultas com o quiropraxista mantém seu corpo em equilíbrio, prevenindo uma séria recaída à doença. Geralmente aconselha-se sessões mensais ou até de 3 em 3 meses..

É aconselhável manter programas de exercícios e hábitos saudáveis e continuar com o tratamento para promover a saúde do sistema musculoesquelético.