loading3
Dicas de saúde

Entenda o que é fáscia muscular e o tratamento da dor miofascial

Atualizado em 13 de Julho de 2022

Fisioterapeuta Cássia Bordignon

Fisioterapeuta Cássia Bordignon

A fáscia é um tecido conjuntivo fibroso, um emaranhado de fibras organizadas e tridimensionais, semelhante a uma teia de aranha, que recobre todas as estruturas corporais, como músculos, tendões, nervos, veias e órgãos.

A fáscia muscular se divide em superficial e profunda.

A fáscia superficial é a camada tratada na técnica de Liberação Miofascial e se localiza logo abaixo da pele, como se fosse uma roupa que vestimos, da cabeça aos pés. Um tecido inteiriço, sem costuras, que faz cada parte do corpo ser conectada.

Por ter a função de proteger, envolver, sustentar, posicionar, nutrir e auxiliar na contração do músculo, a fáscia saudável possui a capacidade de se moldar, ser flexível e se adaptar à estímulos externos.

Quando ocorre um trauma, uma inflamação e/ou processo de cicatrização, a fáscia perde a elasticidade e fica rígida, causando tensão em todo o corpo. Isso explica porque um problema no pé pode repercutir no quadril.

Alterações posturais, movimentos repetitivos, lesões, sobrecargas, cirurgias e sedentarismo, também são fatores de tensão e dor miofascial.

As restrições miofasciais são tratadas com a Liberação Miofascial, terapia manual e/ou instrumental. É uma técnica muito agradável, realizada semanalmente, com resultados visíveis na primeira sessão.

Após a Liberação a sensação é de leveza, relaxamento e elasticidade dos músculos, alívio dos sintomas de desconforto e melhora dos movimentos articulares.

A Liberação Miofascial além de tratar dores, é usada também para melhorar a função e flexibilidade muscular, recovery esportivo, prevenção de lesões, pré e pós treino muscular, rigidez articular, melhora da postura e relaxamento.

Cássia C. Bordignon
Texto escrito por:
Fisioterapeuta