loading 1 loading 2
Fisioterapia Neurofuncional

Fisioterapia Neurofuncional

Área de especialidade da fisioterapia que atua de forma preventiva, curativa, adaptativa ou paliativa nas sequelas resultantes de danos ao sistema nervoso, abrangendo tanto o sistema nervoso central como o periférico, bem como aqueles com doenças neuromusculares (do neurônio motor, da placa motora e do músculo propriamente dito, miopatias). O fisioterapeuta Neurofuncional tem a responsabilidade de avaliar o paciente, dar o diagnóstico cinético funcional, prescrever o tratamento e realizá-lo.

Estes atendimentos podem ser realizados na piscina ou fora dela, sempre buscando a funcionalidade e aproveitando os benefícios que cada meio oferece!

Objetivo:
Avaliar os déficits funcionais e através de exercícios direcionados, promover padrões motores adequados para cada caso, por exemplo: aumentando a amplitude de movimentos, normalizar/melhorar a postura, aperfeiçoar as habilidades cognitivas e a memória, prevenir o surgimento de novas doenças, melhorar a força muscular, a coordenação motora e o equilíbrio.

Buscar o bem-estar físico e emocional, reabilitando o paciente para que possa realizar suas atividades com o maior nível de independência possível, para consequentemente melhorar a qualidade de vida e assim promover a reintegração na sociedade;

Atua com:

  • Paralisia Cerebral;
  • Paralisia Facial Periférica; 
  • AVE (Acidente Vascular Encefálico);
  • Síndrome de Down;
  • Síndrome de Guilain Barré;
  • Neuropatia Periférica;
  • Doença de Parkinson;
  • Alzheimer;
  • Distonia Ataxia;
  • Mielomeningolcele;
  • Distrofia Muscular de Duchenne;
  • Atraso do Desenvolvimento Neuropsicomotor;
  • Lesão Medular.

 

Texto escrito por:
Eliane dos Santos de Oliveira - Fisioterapeuta CREFITO/5 - 110-380-F

Fonte da imagem:http://www.clinicacauchioli.com.br/noticias/que-fisioterapia-neurofuncional/